Pinterest • O catálogo mundial de ideias

Explora Num, Laço e outros!

A casa mergulhada nas três horas, No perfume de sabão de coco e pinho. Lavada num dia quente de primavera. Dia lasso. Luminescente. Três horas da tarde. Chopin e Debussy.

Brancos obstinados. Silêncio branco. Perdi-me no sonho da casa branca. Na brancura do piso, das paredes, do teto. O sonho branco do silêncio sob a luz Do Sol no jardim. Passos leves percorrendo os espaços. Pequenos sons secretos que não ouvimos Nas casas que não são nossas.

O vaso de cristal com copos-de-leite. Vai longa à tarde na penumbra Com olor de lírios. Venezianas de madeiras aromáticas.

Os dedos pousam sobre os lábios. É preciso não dizer...

Horas mudas. Poemas de Florbela. Brancos e amarelos. Licor de pequi. Ocres transparentes. Taça de âmbar. Sépias obscuros.

Luzes brancas, amarelas, douradas, Sobre os múltiplos insetos do jardim. Contos de Grim.

É sempre preciso lembrar de ver os girassóis Na enorme sala da frente com as janelas Voltadas para o leste. Nascentes. Nós não víamos o Sol.

O sonho do desejo do pensamento Do esquecimento no Amor. As fotos mortas dos ancestrais nos passeios, Nos delírios, nos passados, nos tempos.

Um gato azul salta sobre a janela. Água de alfazema Alecrim Mangerona Elevante Maceração de ervas. A bacia de bronze. O espelho de prata. A chave de cobre. O segredo dos sonhos. Adormecimento. Predições do futuro para lembrar, para esquecer.

Porcelanas secando sobre o mármore. açúcar mascavo chá de jasmim bolo de frutas manteiga macarrão compota de damasco latas de biscoito passas brancas cravo queijo orégão ameixa pêssegos figos Não esquecer os ovos (duas dúzias).