Explora Um Governador, Das Despesas e outros!

Explorar tópicos relacionados

Senador Roberto Requião (PMDB-PR) colocou o dedo na ferida da crise paranaense, onde o tucano Beto Richa pretendia tomar dinheiro da previdência dos servidores para pagar salários; 'Hoje, o governo que quebrou o Estado, que aumentou em mais de 400% o valor das despesas com cargos comissionados, os famosos aspones, quer meter a mão no fundo de previdência e transformar o fundo em instrumento para pagar funcionários públicos. É um roubo. É como se o governo assaltasse um banco no qual os ...

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa cobrou explicações do governador Beto Richa (PSDB) sobre a prisão do seu primo Luiz Abi, acusado de participar de um esquema de fraude em licitação no valor de R$ 1,5 milhão para o conserto de veículos do governo estadual; “Alguém muito próximo ao governador foi preso por suspeita de corrupção e ele finge que não viu. Existem fortes indícios de fraude em licitações no governo do Estado, e isso não tem importância?”, questionou o deputado Tadeu…

Ex-governador Garotinho resiste à transferência para presídio de Bangu

PF vai apurar denúncia de oferta de propina de Garotinho a juiz eleitoral - http://anoticiadodia.com/pf-vai-apurar-denuncia-de-oferta-de-propina-de-garotinho-a-juiz-eleitoral/

acesse brazilnocorrupt.com.br

Governador tucano se alia a latifundiária Golpista

Em entrevista veiculada ontem para um jornal do Paraná, o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), disse que os policiais que estavam na Assembleia Legislativa durante a ocupação dos professores, s...

Encurralado, governador interino foge pela porta dos fundos no Paraná

Um dia após o governador Beto Richa (PSDB) defender a admissibilidade do impeachment da presidenta Dilma, duas garotas que faziam a entrega da propaganda anti-Dilma receberam R$ 50 por meio período de trabalho; é o que aponta o Blog do Esmael; "Curitiba vai parar. Impeachment Dilma", diz uma fonte; tucano também á foi alvo de pedido de impeachment no Paraná, que amarga severa crise financeira

Governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), teria recebido “pixulecos” oriundos de propina da Receita Estadual; denúncia partiu do ex-auditor fiscal Luiz Antônio de Souza, que, ontem (7), em delação no Fórum de Londrina, disse que o tucano recebeu R$ 1,5 milhão na reeleição de 2014; Souza está preso desde janeiro de 2015, depois de denunciado por pedofilia; ele fez um acordo de delação premiada com promotores do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), braço policial…

Pinterest • O catálogo mundial de ideias
Search