Explora Deus Aquele, Aquele Olhar e outros!

Explorar tópicos relacionados

Lygia Fagundes Telles: "Ele fixara em Deus aquele olhar de esmeralda diluída, uma leve poeira de ouro no fundo. E não obedeceria porque gato não obedece. Às vezes, quando a ordem coincide com sua vontade, ele atende mas sem a instintiva humildade do cachorro, o gato não é humilde, traz viva a memória da sua liberdade sem coleira. Despreza o poder porque despreza a servidão. Nem servo de Deus. Nem servo do Diabo."

Lygia Fagundes Telles: "Ele fixara em Deus aquele olhar de esmeralda diluída, uma leve poeira de ouro no fundo. E não obedeceria porque gato não obedece. Às vezes, quando a ordem coincide com sua vontade, ele atende mas sem a instintiva humildade do cachorro, o gato não é humilde, traz viva a memória da sua liberdade sem coleira. Despreza o poder porque despreza a servidão. Nem servo de Deus. Nem servo do Diabo."

vintage de beauvoir

vintage de beauvoir

. ♥

. ♥

Carl Jung, colaborador (o alumno) de S. Froid en sus comienzos, fue un médico psiquiatra, psicólogo y ensayista suizo, figura clave en la etapa inicial del psicoanálisis; posteriormente, fundador de la escuela de psicología analítica. Su abordaje teórico y clínico enfatizó la conexión funcional entre la estructura de la psique y la de sus productos. Esto le impulsó a incorporar en su metodología nociones de antropología, alquimia, sueños, arte, mitología, religión y de la filosofía.

Carl Jung, colaborador (o alumno) de S. Froid en sus comienzos, fue un médico psiquiatra, psicólogo y ensayista suizo, figura clave en la etapa inicial del psicoanálisis; posteriormente, fundador de la escuela de psicología analítica. Su abordaje teórico y clínico enfatizó la conexión funcional entre la estructura de la psique y la de sus productos. Esto le impulsó a incorporar en su metodología nociones de antropología, alquimia, sueños, arte, mitología, religión y de la filosofía.

QUADRILHA    João amava Teresa que amava Raimundo   que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili   que não amava ninguém.   João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,   Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia,   Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes   que não tinha entrado na história.  Carlos Drummond de Andrade

QUADRILHA João amava Teresa que amava Raimundo que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili que não amava ninguém. João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento, Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia, Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes que não tinha entrado na história. Carlos Drummond de Andrade

"Não quero ter a terrível limitação de quem vive apenas do que é passível de fazer sentido. Eu não: quero uma verdade inventada". Clarice Lispector

"Não quero ter a terrível limitação de quem vive apenas do que é passível de fazer sentido. Eu não: quero uma verdade inventada". Clarice Lispector

Carlos Drummond de Andrade, Vinicius de Moraes,  Manuel Bandeira, Mario Quintana e Paulo Mendes Campos  na casa do cronista Rubem Braga (1966).

Carlos Drummond de Andrade, Vinicius de Moraes, Manuel Bandeira, Mario Quintana e Paulo Mendes Campos na casa do cronista Rubem Braga (1966).

Hoje encontrei dentro de um livro uma velha carta amarelecida, rasguei-a sem procurar ao menos saber de quem seria... Eu tenho um medo horrível a essas marés montantes do passado, com suas quilhas afundadas, com meus sucessivos cadáveres amarrados aos mastros e gáveas... Ai de mim, ai de ti, ó velho mar profundo, eu venho sempre à tona de todos os naufrágios! (Mario Quintana)

Hoje encontrei dentro de um livro uma velha carta amarelecida, rasguei-a sem procurar ao menos saber de quem seria... Eu tenho um medo horrível a essas marés montantes do passado, com suas quilhas afundadas, com meus sucessivos cadáveres amarrados aos mastros e gáveas... Ai de mim, ai de ti, ó velho mar profundo, eu venho sempre à tona de todos os naufrágios! (Mario Quintana)

Carlos Drummond de Andrade, um dos escritores mais influentes da literatura brasileira.

Carlos Drummond de Andrade, um dos escritores mais influentes da literatura brasileira.

James Joyce, 1926 Fotografía de Berenice Abbott

James Joyce, 1926 Fotografía de Berenice Abbott

Pinterest • O catálogo mundial de ideias
Search